Onde morar na Argentina?

Ao longo de todos esses anos de experiência, a TFA já sabe que essa é uma das maiores dúvidas de quem vem estudar na Argentina: Onde devo morar quando chegar à Argentina?

A TFA possui várias parcerias com imobiliárias de confiança para que você possa escolher o local ideal para morar por ocasião de sua chegada.

A partir da data em que você contrata nossos serviços de assessoria para estudar na Argentina, você já começa a receber sugestões de apartamentos com preços, fotos, localização, distância das universidades, etc.

Buenos Aires oferece uma grande variedade de opções de hospedagem. A maioria dos estudantes optam pela forma mais prática e econômica: dividir apartamento com outros colegas.

Existem dois tipos de aluguel: Temporário e Tradicional.

Os aluguéis temporários normalmente têm um período mínimo de 3 meses de contrato e é preciso pagar um total de 3 meses antecipados para ingressar, o que corresponde às seguintes despesas: 1 mês de aluguel + 1 mês de comissão imobiliária + 1 mês de depósito de garantia que é devolvido ao final do contrato. O valor aproximado desse tipo de aluguel é de a partir de R$600,00 por pessoa e varia de acordo com a quantidade de inquilinos que irão morar no apartamento, localização e estilo de vida. Nesse caso, não é necessário ter fiador, os apartamentos já vêm mobiliados e as contas gerais (imposto, condomínio, luz, água e gás) muitas vezes já estão incluídas no valor final. Também é possível alugar direto com o dono. Neste caso, não há mensalidade de comissão imobiliária, porém é solicitado um depósito de garantia de 2 ou mais meses.

Para alugar de forma tradicional (contrato de 2 anos), é necessário ter um fiador na Capital (que tenha como garantia um imóvel na cidade de Buenos Aires e recibo de salário). Nesse caso, o valor do aluguel é mais baixo que o temporário, porém os apartamentos não vêm mobiliados e todas as demais despesas são pagas separadamente. 

PRIMEIROS DIAS NA ARGENTINA

É recomendável que você busque em sites como Airbnb ou Booking.com um lugar para passar seus primeiros dias quando chegar à Argentina. Assim, você poderá ir conhecendo a cidade com calma até escolher o bairro com que mais se identifica. Você também deve verificar a localização de sua universidade, a distância para outros locais e se vai precisar de algum tipo de transporte para se deslocar ou se é possível se locomover a pé.

Uma vez escolhido o local em que você vai começar sua nova vida na Argentina, entre em contato com a sua imobiliária e agende uma visita ao seu futuro apartamento. A TFA coloca você em contato com os melhores profissionais do ramo.

POSSO DIVIDIR MORADIA COM ALGUÉM?

Claro! Dividir um apartamento é a opção mais econômica para quem vem estudar na Argentina. Existem residências universitárias (repúblicas) e apartamentos normais que podem ser divididos com amigos.

Em nossos grupos, você irá conhecer vários assessorados que já estão na Argentina, outros que ainda estão se preparando para chegar e outros que, assim como você, estão procurando companheiros para dividir moradia e despesas. 

E MORAR SOZINHO?

Nossas imobiliárias parceiras enviarão opções personalizadas para você de acordo com suas necessidades, gostos e orçamento. Você terá acesso a fotos e vídeos dos apartamentos e poderá escolher, ainda no Brasil, seu local de residência quando chegar na Argentina.

É DIFÍCIL ALUGAR UM APARTAMENTO NOS PRIMEIROS DIAS?

Nem um pouco. Você poderá visualizar várias opções de moradia que enviaremos quando você ainda estiver no Brasil. Então, ao chegar aqui, é só agendar uma visita com a imobiliária escolhida e visitar pessoalmente o seu futuro novo apartamento.

Como você recebe visto de turista ao entrar no país, inicialmente você só poderá alugar um local temporário, ou seja, com contrato de 6 meses. Esses contratos costumam incluir todas as contas no valor final mensal: luz, internet, gás, água… Isso facilita muito sua vida na Argentina nesses primeiros meses. O apartamento já vem até mobiliado! Prático, né?

E QUANDO EU JÁ TIVER O DOCUMENTO DE IDENTIDADE ARGENTINO?

O documento de identidade argentino se chama DNI. Esse documento já está incluído em todos os nossos pacotes. A partir do momento em que você estiver com ele em mãos, estará apto a se enquadrar nas leis de aluguel tradicionais do país e poderá, portanto, alugar um apartamento da mesma forma que um argentino nativo! O valor desses aluguéis tradicionais não incluem todas as contas – elas são cobradas à parte – mas os contratos são de 3 anos e costumam ser bem mais baratos que os temporários.

Então, por onde eu devo começar?

Entrando em contato com um de nossos assessores. Basta clicar aqui!

Nossos assessores ajudarão você a encontrar um lugar que se encaixe no seu orçamento e, caso seja necessário, a encontrar companheiros para dividir um apartamento.

Rolar para o topo